Você já se deparou com as seguintes situações:

Estas são apenas algumas das situações básicas que envolvem os aspectos legais do uso da tecnologia dentro das instituições de ensino. E cada tópico merece um artigo falando especificamente sobre as consequências legais.

Ocorre que a tecnologia facilita, mas também traz alguns riscos que devem ser considerados e trabalhados de forma preventiva e as Instituições de Ensino, assim, como qualquer outra empresa necessita de ações voltadas à Segurança da Informação.

Quando trabalhamos com a esfera educacional é preciso pensar em dois importantes segmentos:

Segurança da Informação da própria instituição e Educação Digital ( projetos educacionais), vez que a escola tem uma missão educacional.

Todos os tópicos elencados acima trazem uma consequência jurídica, embora quando falamos em alunos e professores o trabalho da escola deva ser na esfera educacional, ou seja, orientar para o uso ético e legal dos meios digitais, tanto o professor quanto os alunos. Mas este tópico abordaremos em artigo específico sobre Educação Digital.

A Instituição deve lembrar que incidentes por menores que sejam podem afetar não apenas no financeiro, mas também sua reputação. Imagine que a instituição tenha as informações de prontuário médico de seus alunos, divulgados nas redes sociais??? Basta que seja de um único aluno, o dano será iminente.

Todos esses incidentes podem e devem ser trabalhados, bem como quando materializados devem ser utilizados como exemplo no processo de prevenção. Mas lembramos de que é preciso traçar um plano que abranja as questões técnicas, jurídicas e “ser humano”, ou seja, prevenir através de bloqueios (lógico) e segurança física, contratos e documentos pertinente, mas é mister trabalhar pessoas, conscientizar, orientar e educar.

Por este ponto de vista, perguntamos às Instituições de Ensino:

Tudo aqui exposto faz parte de um grande desafio que as Instituições de Ensino devem lidar na Sociedade Digital e não há como fugir, é preciso fazer uso de forma a agregar valor à educação e a própria instituição, mas sem esquecer dos aspectos jurídicos que devem ser considerados para fins de prevenção e educação.

Oferecemos atendimento especializado para instituições de ensino em relação as questões jurídicas de TI e Segurança da Informação como para apoio na área pedagógica para projetos educacionais voltados ao uso ético e legal dos meios digitais.